Auxílio Internet do Brasil: Veja Quem Pode Participar

Publicado por Carolina Pacheco em

Anúncios

O programa Internet Brasil foi estabelecido pelo Ministério das Comunicações em parceria com o Ministério da Educação.

Por meio desse auxílio, os estudantes matriculados na rede pública de ensino terão maior facilidade de acesso à rede virtual.

Digitalização Educativa

Esse suporte busca ampliar o acesso dos estudantes da rede pública de ensino à esfera virtual.

Anúncios

Dessa forma, torna-se mais acessível o uso dos recursos online.

A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) apoia tal iniciativa.

O acesso à internet será viabilizado com a distribuição de chips e pacotes de dados.

O benefício contempla os educandos das instituições de ensino públicas.

Anúncios

Contanto que suas famílias estejam inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

Fases do Projeto

A implementação desse plano ocorrerá progressivamente.

Assim, o programa se inicia focando nos alunos do ensino fundamental e médio das escolas públicas que já estão englobados no Programa Nordeste Conectado.

Nas localidades de Caicó/RN, Campina Grande/PB, Caruaru/PE, Juazeiro/BA, Mossoró/RN e Petrolina/PE.

Anúncios

Além das instituições de ensino no Minas Gerais, nas cidades: Araguari, Conceição das Alagoas, Nova Serrana, Prata, Uberaba e Uberlândia.

Detalhes do Auxílio

O auxílio Internet Brasil visa garantir o acesso gratuito à rede para os alunos.

Permitindo, assim, que as escolas ofereçam um ensino mais abrangente.

Com acesso simplificado a recursos educacionais.

Assim, exploram-se novas metodologias no processo de ensino-aprendizagem.

Procedimento de Participação

Para que os alunos participem, é preciso que as escolas e as Secretarias de Educação adiram ao programa.

Essas instituições devem seguir todos os estágios de adesão.

Para se inscrever no programa, as instituições devem acessar o Sistema Integrado de Monitoramento, Execução e Controle do Ministério da Educação (SIMEC).

Os critérios para seleção das escolas é feito pelas Secretarias de Educação.

Para participarem do programa, é preciso que as escolas:

  • Confirmar sua adesão por meio do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE);
  • Estabelecer critérios de distribuição entre os alunos elegíveis;
  • Designar os beneficiários que atendam aos critérios do programa;
  • Gerenciar todas as alterações que possam afetar o direito dos alunos ao benefício.

Os alunos precisam ainda cumprir determinados requisitos:

  • Estar matriculados no ensino fundamental a partir do terceiro ano ou no ensino médio;
  • Não possuir voucher de outras políticas governamentais;
  • Mostrar interesse em aderir ao programa;
  • Assinar um termo de compromisso;
  • Estar registrados no Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico);
  • Possuir um dispositivo móvel;
  • Estudar na rede pública de ensino.

Cartão Neutro

Os alunos, no programa, receberão um chip neutro.

Este chip irá oferece acesso à internet e facilitar a troca de operadora.

Assi, não há a necessidade de substituir o cartão.


0 Comentário

Deixe uma resposta

Espaço reservado para avatar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese